Wracaj do Zdrowia, Kubica! (4) – Reconstituição da Batida

Esta semana a Skoda reconstituiu o acidente de Robert Kubica no começo do ano.

No estilo Crash Test, em que o carro é impulsionado por um trilho, lançaram um Skoda similar ao que o Polonês pilotava no dia do acidente em direção ao Guard-Rail, e conseguiram reproduzir muito bem a plástica do acidente, incluindo o estrago feito na dianteira do carro e nos bancos dianteiros.

O que me preocupa é que, guardada as devidas proporções, o Guard-Rail não adianta muita coisa, tenho a impressão que até piora o acidente, pois ele corta com muita facilidade a estrutura do carro. Ou o Skoda é muito fraco, o que eu duvido.

Li no Grande Prêmio.

Anúncios

Wracaj do Zdrowia, Kubica! (3)

(“Fique bem, Kubica”, em Polonês) Novas notícias sobre o Piloto da Renault, foram publicadas fotos do Polonês em recuperação na Itália. As fotos mostram claramente a gravidade do acidente, uma cicatriz profunda no braço direito, que ainda está imobilizado. Kubica ainda anda com ajuda de muletas, e acredita estar pronto para voltar à Formula 1 até novembro, no GP do Brasil.

Melhoras ao Kubica, pois numa temporada tão emocionante como esta, é triste ver um piloto como ele apenas assistindo, porque, se o Petrov está indo bem, imagine se o polonês estivesse nas pistas?

2011 FORMULA 1 DHL TURKISH GRAND PRIX (3)

Uma corrida como poucas, o Grande Prêmio da Turquia foi uma das melhores corridas que já assisti, e está concorrendo com o Brasil nas corridas mais movimentadas e emocionantes. O que vimos neste domingo foi a combinação DRS + Kers + Pneus Pirelli dando certo e várias ultrapassagens.

Logo nas primeiras voltas, tivemos uma ultrapassagem de Vitaly Petrov, que está aguentando bem a pressão de substituir Robert Kubica, em cima de Michael Schumacher, que tentou se defender de uma maneira que só ele sabe, e acabou tocando o bico na roda traseira de Petrov e precisou parar nos Boxes. A partir daí a corrida pro alemão não foi das melhores, voltou em 22º e tentou uma corrida de recuperação, mas por causa da movimentação das paradas não teve muito sucesso e terminou em 12º, isso sem contar as ultrapassagens que sofreu, sendo duas delas do Koba-mito.

Falando em Kobayashi, está virando rotina as corridas espetaculares desse japonês, nesta, ele largou na última posição, já na primeira volta cruzou em 18º, e apartir daí foi atropelando tudo e todos, protagonizando as melhores ultrapassagens da corrida, chegou a ocupar a 5ª e terminando em 10º.

Fernando Alonso, Lewis Hamilton, Jenson Button, Mark Webber e Nico Rosberg foram quem mais trocaram de poisições, aquele era o grupo onde a TV estava focada, quem se deu melhor nessa briga foi Alonso e Webber, com o australiano ultrapassando o espanhol a poucas voltas do final.

Sebastian Vettel foi o único que não aproveitou das brigas, já que em nenhum momento foi incomodado. Felipe Massa fez uma boa corrida mas não conseguiu um bom resultado, terminou em 11º. Rubens Barrichello foi o 15º:

Pos No Driver Team Laps Time/Retired Grid Pts
1 1 Sebastian Vettel RBR-Renault 58 1:30:17.558 1 25
2 2 Mark Webber RBR-Renault 58 +8.8 secs 2 18
3 5 Fernando Alonso Ferrari 58 +10.0 secs 5 15
4 3 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 58 +40.2 secs 4 12
5 8 Nico Rosberg Mercedes 58 +47.5 secs 3 10
6 4 Jenson Button McLaren-Mercedes 58 +59.4 secs 6 8
7 9 Nick Heidfeld Renault 58 +60.8 secs 9 6
8 10 Vitaly Petrov Renault 58 +68.1 secs 7 4
9 18 Sebastien Buemi STR-Ferrari 58 +69.3 secs 16 2
10 16 Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 58 +78.0 secs 24 1
11 6 Felipe Massa Ferrari 58 +79.8 secs 10
12 7 Michael Schumacher Mercedes 58 +85.4 secs 8
13 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 57 +1 Lap 12
14 17 Sergio Perez Sauber-Ferrari 57 +1 Lap 15
15 11 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 57 +1 Lap 11
16 19 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 57 +1 Lap 17
17 12 Pastor Maldonado Williams-Cosworth 57 +1 Lap 14
18 21 Jarno Trulli Lotus-Renault 57 +1 Lap 19
19 20 Heikki Kovalainen Lotus-Renault 56 +2 Laps 18
20 25 Jerome d’Ambrosio Virgin-Cosworth 56 +2 Laps 23
21 22 Narain Karthikeyan HRT-Cosworth 55 +3 Laps 22
22 23 Vitantonio Liuzzi HRT-Cosworth 53 +5 Laps 20
Ret 15 Paul di Resta Force India-Mercedes 44 Retired 13
DNS 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 0 Gearbox 21

Wracaj do Zdrowia, Kubica! (2)

Ele está bem!!

Após passar a noite bem, Robert Kubica saiu da UTI do Hospital Santa Corona, na Itália, para repousar num quarto normal. Hoje, o polonês passará por mais duas cirurgias, no pé e ombro direitos, membros bastante afetados no acidente de domingo. Deve voltar para a UTI, desta vez para o tratamento Pós-Operatório

Se tudo correr bem, o Polonês pode estar de alta já na próxima semana.

Wracaj do Zdrowia, Kubica!

(“Fique bem, Kubica”, em Polonês)  Robert Kubica, polonês, piloto tituar da Lotus Renault, sofreu um acidente enquanto participava do Rali de Andora na Itália, bateu forte num Guard-Rail a apenas 6km do início da etapa. Sofreu Lesões graves nas pernas e braços e mãos, cogitou-se a possibilidade de amputar-lhe uma das mãos, não foi preciso, menos mal…

O piloto agora está em coma induzido para se recuperar da cirurgia feita na sua mão comprometida, deve ficar fora da temporada de 2011.

Procurei palavras para escrever num momento tão difícil como esse, Kubica é meu piloto preferido desde a corrida em Ímola, a bordo de uma BMW, sua segunda corrida na Fórmula 1, em 2006, quando conseguiu chegar em terceiro colocado. Não achei palavras, mas achei um imagem que vai representar bem o que eu, e todos os fãs deste polonês simpático, sentimos:

Bruno Mantovani/Pilotoons.com.br

Força Kubica!!

Valência, Dia 3

Finalizando os testes no circuito Ricardo Tormo, em Valência, Robert Kubica fez o melhor tempo dos treinos, cravando 1:13.144, superando Adrian Sutil que havia liderado o treino na parte da manhã.

Felipe Massa começou bem, logo na primeira vez que anda com o F150, o carro pega fogo, aproveita!! Aproveita enquanto é teste… Terminou em quinto e elogiou o desempenho dos pneus Pirelli… será?

1. Robert Kubica Renault 1:13.144 95 Voltas
2. Adrian Sutil Force India 1:13.201 117 Voltas
3. Jenson Button McLaren 1:13.553 105 Voltas
4. Mark Webber Red Bull 1:13.936 105 Voltas
5. Felipe Massa Ferrari 1:14.017 80 Voltas
6. Timo Glock Virgin, 1:14.207 114 Voltas
7. Pastor Maldonado Williams 1:14.299 101 Voltas
8. Sergio Perez Sauber 1:14.458 103 Voltas
9. Michael Schumacher Mercedes GP 1:14.537 110 Voltas
10. Sebastien Buemi Toro Rosso 1:14.801 73 Voltas
11. Narain Karthikeyan HRT 1:16.535 63 Voltas
12. Jarno Trulli Lotus 1:31.477, 38 Voltas

Pré Temporada 2011 – R31

O carro Preto e Dourado da Renault foi apresentado hoje, eu achei bacana, mas os patrocinadores deram um banho na lataria, talvez cause estranheza por nos acostumarmos a ver essas cores ao lado do John Player Special, apenas dele.

Eu não não entendo muito dessa coisa de mudanças na carroceria, geralmente são tão sutis que demoro para perceber, e às vezes preciso comparar os modelos atual e anterior para achar as mudanças. Então me reservo apenas a comentar o apelo visual, principalmente as pinturas.

Lotus Renaul R31 (Foto: Sutton Images)

Não é de Hoje que simpatizo com a Renault, gosto do Kubica, e acredito que o time vai engrenar. Apesar da bagunça dos direitos de uso do nome Lotus, o carro ficou legal, herdou parte do visual imponente do Lotus 72.

Tomara que o desempenho faça jus ao nome que carrega.

Pré Temporada 2011 (5)

Faltam 6… Vitaly Petrov anunciou ontem que continuará na Renault, que agora se chamará Lotus Renault. o russo assinou contrato de para duas temporadas correndo ao lado do polonês Robert Kubica.

Com isso, a vaga de Bruno Senna na Lotus vai ficando cada vez mais ameaçada, o boato de que ele teria um lugar garantido na Lotus caiu por terra, já que Heikki Kovalainen e Jarno Trulli estão na outra Lotus,  de Tony Fernandes. E agora, pra onde ir?

GP do Brasil (5)

Não ia durar muito mesmo, Nico Hülkenberg gozou da liderança apenas enquanto o carro estava parado na primeira vaga, e em alguns metros da reta principal, no “S do Senna” já havia perdido a primeira posição para Sebastian Vettel e na curva do lago já estava em terceiro, numa manobra inteligente, Mark Webber induziu o alemão ao erro, ao ameaçar a ultrapassagem pelo lado esquerdo na reta oposta, enquanto hulk defendia, voltou para o traçado e apenas observou o jovem piloto perder a traseira, o suficiente para realizar a ultrapassagem.

Sebastian Vettel na ponta já no S do Senna (Foto: Sutton Images)

Mas deu gosto de ver o trabalho que Nico deu para Fernando Alonso, até a volta 6, e Lewis Hamilton, com um carro muito inferior, conseguiu segurá-los por bastante tempo, Hamilton só conseguiu ultrapassá-lo quando ele entrou nos boxes para fazer seu Pit Stop, na volta 14.

Nico Hülkenberg segurando a Terceira Posição (Foto: Sutton Images)

No geral foi uma boa corrida, várias ultrapassagens, uma pena que Felipe Massa foi prejudicado novamente pela sua Equipe, a Ferrari, quando fez sua primeira parada não apertaram direito o pneu dianteiro direito, obrigando o brasileiro a parar novamente, extinguindo qualquer possibilidade de recuperação,terminou a corrida em 15º. Rubens Barrichello também teve problemas no pit e terminou em 14º.

Sebastian Vettel, Christian Horner e Mark Webber comemoram o Título de Contrutores. (Foto: Sutton Images)

Quando a corrida ameaçava ficar monótona, Vitantonio Liuzzi, o único a abandonar a corrida, bateu na saída do S do Senna e causou a entrada do Safety Car, na volta 52, embolando tudo. Após a relargada ficou difícil entender quem estava na ponta e quem era retardatário, pois no meio deles estava Robert Kubica e Nico Hulkenberg, além de Felipe Massa e Rubens Barrichello no tudo ou nada para tentar uma recuperação, aí foi um tal de retardatário passar piloto de ponta, Fernando Alonso escalando o pelotão de retardatários para tentar alcançar Webber, e Lewis Hamilton escalando para tentar ultrapassar Alonso, um show para os torcedores. Com a Dobradinha, a Red Bull sagrou-se campeã de Construtores.

Pos No Piloto Equipe Voltas Tempo/Abandono Grid Pts
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 71 1:33:11.803 2 25
2 6 Mark Webber RBR-Renault 71 +4.2 s 3 18
3 8 Fernando Alonso Ferrari 71 +6.8 s 5 15
4 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 71 +14.6 s 4 12
5 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 71 +15.5 s 11 10
6 4 Nico Rosberg Mercedes GP 71 +35.3 s 13 8
7 3 Michael Schumacher Mercedes GP 71 +43.4 s 8 6
8 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 70 +1 Volta 1 4
9 11 Robert Kubica Renault 70 +1 Volta 7 2
10 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 70 +1 Volta 12 1
11 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 70 +1 Volta 14
12 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 70 +1 Volta 22
13 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 70 +1 Volta 19
14 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 70 +1 Volta 6
15 7 Felipe Massa Ferrari 70 +1 Volta 9
16 12 Vitaly Petrov Renault 70 +1 Volta 10
17 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 70 +1 Volta 15
18 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 69 +2 Voltas 20
19 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 69 +2 Voltas 18
20 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 69 +2 Voltas 17
21 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 69 +2 Voltas 24
22 20 Christian Klien HRT-Cosworth 65 +6 Voltas 23
23 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 62 +9 Voltas 21
NC 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 49 Acidente 16

A próxima corrida, e decisão do Campeonato, será na próxima Semana em Abu Dhabi.

GP da Coreia (2)

Bastou juntar o Horário de Verão, a corrida de madrugada e a correria pra terminar a retrospectiva do Salão do Automóvel e eu quase deixei a corrida deste fim de semana passar batido.

Aparentemente, quem se adaptou melhor no circuito foram as Red Bulls, apesar que as McLarens e a Renault de Kubica deram bastante trabalho ao longo dos treinos livres, inclusive, acredito numa boa corrida do Polonês. Os Touros Vermelhos conseguiram mais uma dobradinha no ano, mas Fernando Alonso está Louco para quebrá-la, larga em 3º e deverá atacar logo na primeira curva. Lewis Hamilton está logo atrás e, se não fizer nenhuma cagada, deve fazer um boa corrida também. Felipe Massa larga em 6º, Rubens Barrichello em 10º, Lucas di Grassi em 22º e Bruno Senna em 24º.

Resumindo, o circuito é bom, o asfalto instável e as curvas traiçoeiras, acredito que teremos uma ótima corrida logo mais às 4h00.

Pos No Piloto Equipe Q1 Q2 Q3 Voltas
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 1:37.123 1:36.074 1:35.585 19
2 6 Mark Webber RBR-Renault 1:37.373 1:36.039 1:35.659 21
3 8 Fernando Alonso Ferrari 1:37.144 1:36.287 1:35.766 23
4 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:37.113 1:36.197 1:36.062 20
5 4 Nico Rosberg Mercedes GP 1:37.708 1:36.791 1:36.535 18
6 7 Felipe Massa Ferrari 1:37.515 1:36.169 1:36.571 18
7 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 1:38.123 1:37.064 1:36.731 21
8 11 Robert Kubica Renault 1:37.703 1:37.179 1:36.824 21
9 3 Michael Schumacher Mercedes GP 1:37.980 1:37.077 1:36.950 22
10 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 1:38.257 1:37.511 1:36.998 25
11 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 1:38.115 1:37.620 18
12 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 1:38.429 1:37.643 15
13 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 1:38.171 1:37.715 16
14 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 1:38.572 1:37.783 18
15 12 Vitaly Petrov Renault 1:38.174 1:37.799 18
16 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 1:38.583 1:37.853 18
17 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 1:38.621 1:38.594 16
18 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 1:38.955 10
19 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 1:40.521 10
20 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 1:40.748 8
21 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 1:41.768 9
22 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 1:42.325 10
23 20 Sakon Yamamoto HRT-Cosworth 1:42.444 10
24 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 1:43.283 7