Saudades – Need for Speed II SE

Essa semana li no blog do meu irmão, o Gasparov Motorsport, uma matéria que ele fez sobre o primeiro jogo de corrida que tivemos contato na era digital, o Need For Speed II SE, da Electronic Arts – que viria a se tornar a EA Sports e daria sequência na saga do jogo. Nós perdíamos horas jogando, batíamos recordes e sabíamos as 8 pistas, salvo engano, decor e salteado, invertido ou simétrico.

Segue o Texto:

“Este foi o primeiro jogo de corrida que joguei para valer! E deve ser por isso que até hoje é um dos meus prediletos. Na primeira vez mal consegui correr no circuito oval, o mais fácil. Mas não era difícil pegar o jeito do jogo. Depois de correr, e vencer, em todas as pistas a graça era correr com traçado invertido. Ou então correr para bater o recorde da pista. o que era meu caso. Eu e meu irmão jogávamos, primeiro para vencermos um ao outro e aumentarmos nosso placar particular, e para quebrar o recorde um do outro. Desde essa época ele já era melhor que eu. Em quase todas as pistas a volta mais rápida era dele. Eu era mais regular e levava vantagem no tempo total da corrida.

As pistas, com variações de dificuldade, eram ótimas. Fazia praticamente todas as curvas usando freio de mão, a forma mais eficiente. As mais difíceis era a Mistic Peaks, no Himalaya, e outra que tinha uma série de cotovelos, se me lembro bem, era North Country. Gostava muito de uma que passava por um túnel e a linha de chegada era na praia, acho que era a Last Resort, no México. Esse era outro detalhe que muito legal, cada circuito tinha uma temática , com variação de ambientes no mesmo circuito. E os carros? Dividos em três categorias diferentes, tinha para todos os gostos. Tinha o Ford Indigo era leve, andava bem, mas se encostasse a roda em algo, rodava ou capotava. Gostava muito do Nazca C2, BMW, andava bem, era leve e tinha ótima estabilidade. O Jaguar XJ220 tinha um motorzão, andava bem mas era muito pesado. A vantagem éra quase nunca rodava. Quando os outros pilotos tentavam nos empurrar para fora da pista, ele era o único que continuava na tragetória. Tinha também a Ferrari F50 e a 355 F1, o Ford GT90 (releitura do clássico GT40). Mas o melhor de todos era o McLaren F1. Era quase um covardia correr com ele. Impossível perder com esse carro.

A trilha sonora, na corrida ou no menu, era o toque final. Variando de acordo com o local dos circuitos era sempre Heavy Metal e Eletônica. Conseguia conciliar muito bem com a adrenalina da disputa e da velocidade da corrida. Por último os vídeos. A introdução era sensacional e alguns carros, os mais rápidos ou sofisticados, tinha um vídeo de apresentação. O meu preferido é do Jaguar, pelo ambiente e a combinação da música Instrumental e Heavy Metal. Abaixo, todos os vídeos do jogo. É uma amostra do que falei neste último parágrafo. Bateu uma saudade…”

O mais legal era que instalamos o jogo em espanhol, e viajávamos com quando o narrador dizia: “Vuelta Más rápida!”, e a cada volta esperávamos apreensivos ele dizer: “Vuelta Récord!”, e quando ele dizia quase pulávamos de alegria. Outro ponto legal do jogo era o modo A Muerte, onde começávamos na pista oval, com 8 carros, e à medida que passavam as etapas o último colocado de cada uma delas era eliminado. Nós disputávamos a competição juntos, e geralmente a disputa ficava para a última etapa, na pista bônus, em Hollywood, onde travávamos um grande duelo. O eliminado recebia a seguinte mensagem do narrador espanhol: “Mui Márte, fue descalificado de la competición a muerte!” ou algo do tipo, peço desculpas aos espanhóis se escrevi errado.

Quando eu descobri os códigos do jogo, ficou ainda mais legal, dependendo o código que colocávamos, podíamos correr com troncos de árvore, veículos do tráfego, como ônibus escolares, caminhões, além das barracas de pipoca, carroças, bondes e qualquer outro  objeto móvel do cenário do jogo.

Bons tempos, aqueles…

Anúncios

Foto de Radar (3)

A série Foto de Radar está fazendo mais sucesso do que o planejado, desde a  sua criação, no dia 28/12, já recebi várias fotos, umas delas foi a Variant do post anterior, publicado por meu irmão, na mais nova parceria da internet.

Esta série vai ser mais dinâmica que eu pensava, mas assim é melhor. Pra hoje temos um Scania 113 clicado pelo nosso colaborador Rafael Franceschini na Avenida do Estado, em São Paulo.

Scania 113 (Foto: Rafael Franceschini/Gasparov Images)

Parceria

Já era pra eu ter escrito algo sobre isso, deixei pra depois e quase não escrevo. Não se se perceberam, mas quem publicou o último post não foi eu, mas sim o meu irmão, Rodolfo Gaspar.

Ele é o proprietário do Gasparov Motorsport, e a partir de agora vai dar seus pitacos por aqui também. Eu achei a ideia muito bacana, não sei qual será a frequência dos posts publicados, mas posso afirmar que ele tem muito a dizer, e a qualidade de seus textos é indiscutível.

Clicando aqui, é possível ler os comentários escritos por ele no seu blog, são palavras que marcaram muito, das quais eu posso dizer: ainda há muito a ser visto, esta parceria promete!

Os números de 2010

Olha só o email que eu recebi hoje pela manhã!

———

Os duendes das estatísticas do WordPress.com analisaram o desempenho deste blog em 2010 e apresentam-lhe aqui um resumo de alto nível da saúde do seu blog:

Healthy blog!

O Blog-Health-o-Meter™ indica: Uau.

Números apetitosos

Imagem de destaque

Um Boeing 747-400 transporta 416 passageiros. Este blog foi visitado cerca de 1,900 vezes em 2010. Ou seja, cerca de 5 747s cheios.

 

Em 2010, escreveu 139 novos artigos, nada mau para o primeiro ano! Fez upload de 173 imagens, ocupando um total de 27mb. Isso equivale a cerca de 3 imagens por semana.

O seu dia mais activo do ano foi 12 de dezembro com 71 visitas. O artigo mais popular desse dia foi Ford Del Rëy (2).

De onde vieram?

Os sites que mais tráfego lhe enviaram em 2010 foram orkut.com.br, twitter.com, gasparovmotorsport.zip.net, networkedblogs.com e pt-br.wordpress.com

Alguns visitantes vieram dos motores de busca, sobretudo por bmw z4, bmw z4 2006, vw santana, salao do automovel 1996 e saci

Atrações em 2010

Estes são os artigos e páginas mais visitados em 2010.

1

Ford Del Rëy (2) dezembro, 2010
6 comentários

2

Salão do Automóvel (26) – 22ª Edição – 2002 outubro, 2010

3

Ford Del Rëy agosto, 2010
5 comentários

4

Sobre Nós junho, 2010
5 comentários

5

Salão do Automóvel (13) – 11ª Edição – 1978 setembro, 2010
1 comentário

Um novo tempo

Fim de ano é época de comemorar, de fazer o fechamento, conferir as conquistas e fazer projetos para o próximo ano.

Pra mim, este Blog é uma das minhas maiores conquistas de 2010, começou meio sem sentido, meu irmão criou o blog dele, o Gasparov Motorsport e me incentivou a criar o meu. hesitei por um tempo até resolver criá-lo. Ficamos um tempo tentando achar um nome legal até aparecer o blogdirafale.zip.net.

Comecei dar meus pitacos na pré temporada da F1 2010 e acompanhei toda a temporada da categoria, no meio do ano achei o WordPress, gostei das ferramentas e mudei meu Blog para cá, desde então tive uma noção mais clara do número de visitas que recebia, e são elas que considero neste fechamento.

Aqui, fiz uma festa quando completei 1000 acessos, e agora comemoro ainda mais, pois faltam apenas 24 visitas para completar os 2000, espero que quando eu volte após a virada esse número já tenha sido atingido.

E eu só tenho a agradecer, nunca imaginaria que receberia tantas visitas nesse humilde blog. E é graças a vocês que prestigiam meu trabalho que ainda mantenho este blog ativo, e vai ficar por muito tempo.

Para o próximo ano, a meta é atingir as 5 000 visitas, será que conseguiremos? conto com a ajuda de vocês. Não esqueça de deixar seu comentário, pois quando atingirmos esse objetivo, vai rolar um sorteio por aqui, ainda não sei o quê, mas vão concorrer apenas quem deixar o comentário.

Falando em comentários, divulguei apenas as visitas, mas ainda há alguns números interessantes, este é o post de número 141, e até agora foram 119 comentários:

Vocês são espetaculares!! Muito Obrigado!

Um Ano Novo repleto de Paz, Felicidade, Conquistas e muito dinheiro no bolso!!

Feliz 2011!!

Gasparov Motorsport

Lembram do Gasparov Link Blog?

Há algum tempo mudou de nome e eu, pra testar a nova interface do blog, divulgo novamente.

Inclusive, indico o post sobre as 500 Milhas de Indianápolis.

Mike Conway decola após chocar-se com Hunter-Reay (Foto: Larry Papike/REUTERS)

Post que mostra o que estamos sujeitos ao assistir à TV brasileira:
Gasparov Motorsport