Boas Festas

Esta época é a melhor do ano, todos estão sorrindo, em clima de festa, fazendo o balanço do ano que se encerra e planejando o ano que iniciará, novos sonhos, novos objetivos, mas mais do que isto, é a época onde a humanidade para para olhar para o próximo, para vê-lo como pessoa e não como um rival a ser batido.

Cartão Emprestado do Blog Marilustra

As ruas estão cheias de pessoas sorrindo, tranquilas, desejando boas festas para qualquer um que cruze seu caminho,  o chefe chato para e lhe dá um abraço, a vizinha curiosa lhe deseja Feliz Natal, a amiga fofoqueira fala da ceia do tio, o companheiro de sala está ansioso para a viagem, seu amigo secreto lhe dá um presente bacana,  e você, no meio disso tudo tem uma injeção de ânimo, que o faz ter esperanças para o ano que está por vir. Esta é a época do ano onde o mundo funciona como deveria, com paz e alegria em abundância.

 

A todos que visitaram este Blog ao longo do ano, desejo-lhes Boas Festas:

Um Feliz Natal e Próspero Ano Novo!

 

Anúncios

2011 FORMULA 1 KOREAN GRAND PRIX

E hegemonia da Red Bull foi quebrada, final menta não vemos um carro azul na primeira posição. Grande coisa, agora que os azuis já têm o título, não importa mais quem vai largar na frente.

Achei a classificação fraca, talvez pela definição do título,o treino não teve o brilho habitual. Os Brasileiros não foram bem, Barrichello ficou no Q1, vai largar em 18º. Bruno Senna não fez uma boa volta no Q2 e larga em 15º, o melhorzinho foi Felipe Massa que vai largar à frente de Alonso novamente, acho que não faz diferença, provavelmente o espanhol termina na frente. o Pole desta vez é Lewis Hamilton, Vettel é o segundo e Button o Terceiro

O grid para amanhã, a largada será às 4h:

Pos Num Piloto Equipe Q1 Q2 Q3 Voltas
1 3 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:37.525 1:36.526 1:35.820 14
2 1 Sebastian Vettel RBR-Renault 1:39.093 1:37.285 1:36.042 12
3 4 Jenson Button McLaren-Mercedes 1:37.929 1:37.302 1:36.126 14
4 2 Mark Webber RBR-Renault 1:39.071 1:37.292 1:36.468 11
5 6 Felipe Massa Ferrari 1:38.670 1:37.313 1:36.831 16
6 5 Fernando Alonso Ferrari 1:38.393 1:37.352 1:36.980 11
7 8 Nico Rosberg Mercedes 1:38.426 1:37.892 1:37.754 12
8 10 Vitaly Petrov Renault 1:38.378 1:38.186 1:38.124 19
9 15 Paul di Resta Force India-Mercedes 1:38.549 1:38.254 ——— 16
10 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 1:38.789 1:38.219 ——— 14
11 19 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 1:39.392 1:38.315 11
12 7 Michael Schumacher Mercedes 1:38.502 1:38.354 9
13 18 Sebastien Buemi STR-Ferrari 1:39.352 1:38.508 11
14 16 Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 1:39.464 1:38.775 13
15 9 Bruno Senna Renault 1:39.316 1:38.791 14
16 12 Pastor Maldonado Williams-Cosworth 1:39.436 1:39.189 8
17 17 Sergio Perez Sauber-Ferrari 1:39.097 1:39.443 14
18 11 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 1:39.538 4
19 20 Heikki Kovalainen Lotus-Renault 1:40.522 6
20 21 Jarno Trulli Lotus-Renault 1:41.101 6
21 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 1:42.091 7
22 25 Jerome d’Ambrosio Virgin-Cosworth 1:43.483 8
23 23 Vitantonio Liuzzi HRT-Cosworth 1:43.758 8
DNQ 22 Daniel Ricciardo HRT-Cosworth ———- 2
Q1 107% 1:44.351

 

FORMULA 1 GRAN PREMIO SANTANDER D’ITALIA 2011

Aconteceu neste fim de semana, não assisti a corrida inteira, por isso é difícil comentar algo, mas assisti o suficiente para dizer que foi ótima.

Primeiro, fiquei feliz ao ver a classificação de Bruno Senna, décimo colocado, isso porque economizou seus pneus e não marcou tempo no Q3, a corrida prometia. Quando acordei no domingo, corri para  checar o Live Timing, pois a corrida já havia começado, vi o Bruno no fim da fila com uma parada e já pensei que ele teria se envolvido em algum acidente na largada novamente, mas ao ligar a TV, vi que na verdade foi uma estratégia, e uma ótima estratégia, diga-se.

Outro espetáculo foi ver a briga de Schumacher e Hamilton, não sei porque o carro do inglês não passava dos 330 km/h, exatamente a mesma velocidade do alemão, a asa móvel não adiantava nada, e quando Hamilton conseguiu ultrapassá-lo, Schumacher contornou melhor a curva e retomou a posição. Isso perdurou até algumas voltas após a primeira rodada de Pit Stops.

Assim que Lewis Hamilton passou Schumacher, precisei sair e só fiquei sabendo resultado algumas horas depois:

Pos No Piloto Equipe Voltas Tempo/Abandono Grid Pts
1 1 Sebastian Vettel RBR-Renault 53 1:20:46.172 1 25
2 4 Jenson Button McLaren-Mercedes 53 +9.5 secs 3 18
3 5 Fernando Alonso Ferrari 53 +16.9 secs 4 15
4 3 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 53 +17.4 secs 2 12
5 7 Michael Schumacher Mercedes 53 +32.6 secs 8 10
6 6 Felipe Massa Ferrari 53 +42.9 secs 6 8
7 19 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 52 +1 Lap 18 6
8 15 Paul di Resta Force India-Mercedes 52 +1 Lap 11 4
9 9 Bruno Senna Renault 52 +1 Lap 10 2
10 18 Sebastien Buemi STR-Ferrari 52 +1 Lap 16 1
11 12 Pastor Maldonado Williams-Cosworth 52 +1 Lap 14
12 11 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 52 +1 Lap 13
13 20 Heikki Kovalainen Lotus-Renault 51 +2 Laps 20
14 21 Jarno Trulli Lotus-Renault 51 +2 Laps 19
15 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 51 +2 Laps 21
NC 22 Daniel Ricciardo HRT-Cosworth 39 +14 Laps 23
Ret 17 Sergio Perez Sauber-Ferrari 32 Gearbox 15
Ret 16 Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 21 Gearbox 17
Ret 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 9 Steering 12
Ret 2 Mark Webber RBR-Renault 4 Accident 5
Ret 25 Jerome d’Ambrosio Virgin-Cosworth 1 Gearbox 22
Ret 10 Vitaly Petrov Renault 0 Accident 7
Ret 8 Nico Rosberg Mercedes 0 Accident 9
Ret 23 Vitantonio Liuzzi HRT-Cosworth 0 Accident 24

Vettel em primeiro, não é novidade. Schumacher em quinto é inusitado, considerando a situação que se encontra a Mercedes, o destaque mesmo foi para os quatro últimos a pontuar, Alguersuari, di Resta, Bruno Senna e Buemi fizeram bonito, especialmente o brasileiro, que com esse resultado pode abrir muitas portas, basta manter esse desempenho nas próximas seis corridas do campeonato e o contrato estará assinado.

Bruno Senna será titular da Renault até o final da Temporada.

Enfim chegaram num acordo, Nick sai da equipe e Bruno fica até o fim da temporada.

Nick Heidfeld é um bom piloto, gosto do estilo dele, mas não se encaixou muito bem na Renault, conseguiu um terceiro lugar no GP da Malásia, mas só isso, foi superado várias vezes por Vitaly Petrov, e como piloto substituto, deveria saber que correria o risco de não terminar a temporada. Em vez disso, abusou do direito de espernear e entrou com uma ação contra a equipe para manter-se na vaga. Por causa disso, a equipe confirmou Bruno Senna somente até o Gp da Itália.

Com a decisão de hoje, Nick Heidfeld sai da equipe e deixa o cockpit com Bruno Senna até o fim da temporada. Esta é a chance de Bruno mostrar o que sabe, realmente a estreia dele, tem um carro bom, que pode brigar com Mercedes e até, quem sabe, com a Ferrari, vai ser interessante acompanhá-lo neste fim de ano, estou torcendo por ele!

Revista Warm Up – 7ª Edição – outubro/2010

Já está no ar a edição de outubro da revista Warm Up, neste mês o assunto principal é o Piloto Venezuelano pastor Maldonado, que assinou contrato com a Equipe Williams de Fórmula 1 e trouxe um patrocínio de uma petrolífera venezuelana de 35 milhões de dólares.

É possível, também,  ler sobre Lucas di Grassi e Bruno Senna, que tiveram um início de carreira na F1 conturbado e frustrante, e não têm futuro certo na categoria,  sobre a Fórmula Superliga, categoria que está em crescimento na Europa, além da tradicional análise dos GPs de Fórmula 1, nesta edição, GP de Cingapura e GP do Japão.

Para ler a revista, clique no link na barra lateral ou aqui

 

GP da Coreia (3)

Seria uma corrida emocionante, se ela acontecesse de fato.

Choveu, a largada foi lançada, atrás do Safety Car, que continuou na pista até a 3ª volta, quando tremularam a bandeira vermelha e a prova foi interrompida. Uma Hora depois a prova foi retomada, ainda com a presença do Safety Car, que permaneceu por mais 15 voltas.

 

Os pilotos seguem o Safety Car (Foto: Sutton Images)

 

Não lembro de ter visto nada parecido, os pilotos já não aguentavam mais o lenga lenga do Mercedão. A corrida iniciou-se realmente na 18ª volta, aí Mark Webber se perdeu na curva, rodou sozinho, bateu no muro e levou Nico Rosberg junto, fim de prova para ambos. E o Safety Car foi pra pista novamente, retirando-se quatro voltas depois.

 

Carro de Mark Webber sendo retirado (Foto: Sutton Images)

Vettel liderava a corrida, com Fernando Alonso em 2º e Lewis Hamilton em 3º. Chegou a hora das paradas, a Ferrari se atrapalhou no pit e Alonso perdeu a segunda posição para Hamilton, algumas voltas depois o inglês cometeria um erro e o espanhol recuperaria a vice-liderança.

 

Na volta 46, o fim de semana da Red Bull e de Vettel terminou de descer pela descarga, o motor do alemão estourou pondo fim na sua corrida promissora. Bom para Alonso que ganhou a liderança de presente, e aproveitou muito bem, abriu 10s para o segundo, Hamilton, e venceu a prova. Felipe Massa fez uma boa corrida e terminou em terceiro, Barrichello terminou em 7º e Bruno Senna em 14º. Lucas di Grassi não completou.

Fernando comemora a Vitória (Foto: Sutton Images)

 

Destaque para Kamui Kobayashi, mesmo com problemas com o carro chegou em 8º, Vitantonio Liuzzi, repetiu o seu mellhor resultado na temporada, e Nick Heidfeld, que provou ser um ótimo piloto, pontuando em 2 das 3 corridas que disputou.

Pos No Piloto Equipe Voltas Tempo/Abandono Grid Pts
1 8 Fernando Alonso Ferrari 55 2:48:20.810 3 25
2 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 55 +14.9 s 4 18
3 7 Felipe Massa Ferrari 55 +30.8 s 6 15
4 3 Michael Schumacher Mercedes GP 55 +39.6 s 9 12
5 11 Robert Kubica Renault 55 +47.7 s 8 10
6 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 55 +53.5 s 17 8
7 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 55 +69.2 s 10 6
8 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 55 +77.8 s 12 4
9 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 55 +80.1 s 13 2
10 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 55 +80.8 s 11 1
11 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 55 +84.1 s 15
12 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 55 +89.9 s 7
13 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 54 +1 Volta 21
14 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 53 +2 Voltas 24
15 20 Sakon Yamamoto HRT-Cosworth 53 +2 Voltas 23
NC 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 46 Acidente 14
NC 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 45 Motor 1
NC 12 Vitaly Petrov Renault 39 Acidente 20
NC 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 31 Acidente 19
NC 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 30 Acidente 16
NC 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 25 Acidente 22
NC 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 25 Hidráulico 18
NC 6 Mark Webber RBR-Renault 18 Acidente 2
NC 4 Nico Rosberg Mercedes GP 18 Acidente 5

Fernando Alonso agora lidera o Campeonato, com 231 pontos; Mark Webber é o segundo, com 220 pontos; Lewis Hamilton terceiro, com 210 pontos; Sebastian Vettel quarto, com 206 pontos e Jenson Button quinto, com 189 pontos. Os cinco com chances matemáticas de título.

GP da Coreia (2)

Bastou juntar o Horário de Verão, a corrida de madrugada e a correria pra terminar a retrospectiva do Salão do Automóvel e eu quase deixei a corrida deste fim de semana passar batido.

Aparentemente, quem se adaptou melhor no circuito foram as Red Bulls, apesar que as McLarens e a Renault de Kubica deram bastante trabalho ao longo dos treinos livres, inclusive, acredito numa boa corrida do Polonês. Os Touros Vermelhos conseguiram mais uma dobradinha no ano, mas Fernando Alonso está Louco para quebrá-la, larga em 3º e deverá atacar logo na primeira curva. Lewis Hamilton está logo atrás e, se não fizer nenhuma cagada, deve fazer um boa corrida também. Felipe Massa larga em 6º, Rubens Barrichello em 10º, Lucas di Grassi em 22º e Bruno Senna em 24º.

Resumindo, o circuito é bom, o asfalto instável e as curvas traiçoeiras, acredito que teremos uma ótima corrida logo mais às 4h00.

Pos No Piloto Equipe Q1 Q2 Q3 Voltas
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 1:37.123 1:36.074 1:35.585 19
2 6 Mark Webber RBR-Renault 1:37.373 1:36.039 1:35.659 21
3 8 Fernando Alonso Ferrari 1:37.144 1:36.287 1:35.766 23
4 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:37.113 1:36.197 1:36.062 20
5 4 Nico Rosberg Mercedes GP 1:37.708 1:36.791 1:36.535 18
6 7 Felipe Massa Ferrari 1:37.515 1:36.169 1:36.571 18
7 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 1:38.123 1:37.064 1:36.731 21
8 11 Robert Kubica Renault 1:37.703 1:37.179 1:36.824 21
9 3 Michael Schumacher Mercedes GP 1:37.980 1:37.077 1:36.950 22
10 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 1:38.257 1:37.511 1:36.998 25
11 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 1:38.115 1:37.620 18
12 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 1:38.429 1:37.643 15
13 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 1:38.171 1:37.715 16
14 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 1:38.572 1:37.783 18
15 12 Vitaly Petrov Renault 1:38.174 1:37.799 18
16 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 1:38.583 1:37.853 18
17 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 1:38.621 1:38.594 16
18 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 1:38.955 10
19 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 1:40.521 10
20 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 1:40.748 8
21 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 1:41.768 9
22 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 1:42.325 10
23 20 Sakon Yamamoto HRT-Cosworth 1:42.444 10
24 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 1:43.283 7

GP do Japão (5)

Avassalador, essa é a palavra que melhor descreve o domínio da Red Bull neste fim de semana, Sebastian Vettel só perdeu a liderança durante 14 voltas, tempo que Jenson Button resistiu sem fazer sua parada.

A largada foi bastante agitada, Vitaly Petrov se atrapalhou e levou Nico Hulkenberg junto antes mesmo de chegar na curva, nela Felipe Massa tentou ultrapassar Nico Rosberg onde não cabia, “pisou” na grama, rodou e acertou em cheio Vitantonio Liuzzi, acabando com a corrida de ambos.Felipe Massa Acerta Liuzzi na primeira curva (Foto: Sutton Images)

Felipe Massa Acerta Liuzzi na primeira curva (Fotos: Sutton Images)

O grande destaque da corrida foi o japonês Kamui Kobayashi, que largou em 14º e terminou em 7º a bordo de sua Sauber, Fernando Alonso fez uma corrida regular, conseguiu chegar ao Pódio. Rubens Barrichello chegou em 9º e Bruno Senna em 15º, di Grassi não largou.

Pos No Piloto Equipe Voltas Tempo/Abandono Grid Pts
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 53 1:30:27.323 1 25
2 6 Mark Webber RBR-Renault 53 +0.9 s 2 18
3 8 Fernando Alonso Ferrari 53 +2.7 s 4 15
4 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 53 +13.5 s 5 12
5 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 53 +39.5 s 8 10
6 3 Michael Schumacher Mercedes GP 53 +59.9 s 10 8
7 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 53 +64.0 s 14 6
8 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 53 +69.6 s 11 4
9 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 53 +70.8 s 7 2
10 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 53 +72.8 s 18 1
11 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 52 +1 Volta 16
12 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 52 +1 Volta 20
13 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 51 +2 Voltas 19
14 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 51 +2 Voltas 22
15 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 51 +2 Voltas 23
16 20 Sakon Yamamoto HRT-Cosworth 50 +3 Voltas 24
17 4 Nico Rosberg Mercedes GP 47 Acidente 6
NC 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 44 Vazamento de Óleo 15
NC 11 Robert Kubica Renault 2 Mecânico 3
NC 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 0 Acidente 9
NC 7 Felipe Massa Ferrari 0 Acidente 12
NC 12 Vitaly Petrov Renault 0 Acidente 13
NC 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 0 Acidente 17
NL 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 0 Acidente 21

GP do Japão (4)

Após uma longa e tenebrosa espera, finalmente está definido o grid de largada para a corrida de logo mais.

Ao contrário do que se viu no sábado, a pista estava seca e o treino ocorreu sem problemas, o domínio da Red Bull foi assolador, no Q3 Hamilton chegou a incomodar, mas os touros vermelhos confirmaram as previsões e cravaram mais uma dobradinha na temporada, importantíssima para quem quer se manter à frente no campeonato.

Do outro lado, quem quer alcançar a liderança do campeonato, Fernando Alonso, vai ter um pouco mais de trabalho pela frente, largará em 5º, atrás de Robert Kubica, 4º, e e Lewis Hamilton, 3º. Bom desempenho para as Williams, Barrichello larga em 8º e Hulkenberg em 9º, se chover o brasileiro pode conseguir um bom resultado. Felipe Massa é apenas o 12º, Lucas di Grassi o 21º e Bruno Senna 23º.

Pos No Piloto Equipe Q1 Q2 Q3
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 1:32.035 1:31.184 1:30.785
2 6 Mark Webber RBR-Renault 1:32.476 1:31.241 1:30.853
3 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:32.809 1:31.523 1:31.169
4 11 Robert Kubica Renault 1:32.808 1:32.042 1:31.231
5 8 Fernando Alonso Ferrari 1:32.555 1:31.819 1:31.352
6 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 1:32.636 1:31.763 1:31.378
7 4 Nico Rosberg Mercedes GP 1:32.238 1:31.886 1:31.494
8 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 1:32.361 1:31.874 1:31.535
9 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 1:32.211 1:31.926 1:31.559
10 3 Michael Schumacher Mercedes GP 1:32.513 1:32.073 1:31.846
11 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 1:33.011 1:32.187
12 7 Felipe Massa Ferrari 1:32.721 1:32.321
13 12 Vitaly Petrov Renault 1:32.849 1:32.422
14 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 1:32.783 1:32.427
15 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 1:33.186 1:32.659
16 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 1:33.471 1:33.071
17 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 1:33.216 1:33.154
18 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 1:33.568
19 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 1:35.346
20 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 1:35.464
21 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 1:36.265
22 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 1:36.332
23 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 1:37.270
24 20 Sakon Yamamoto HRT-Cosworth 1:37.365

Aí tem coisa!!

Quando fui participar da votação para o capacete do Bruno Senna, meu navegador, o Firefox 3.6.10, bloqueou o acesso e mostrava na tela uma mensagem do tipo “Esta página é alvo de ataques maliciosos”. Quando vi essa mensagem e que não conseguia acessar a página, recorri ao Internet Explorer e já pensei que o Firefox estava louco, como o site do Bruno Senna vai ser alvo? Duvido que o site dele não seja seguro. Vi o que queria e toquei minha vida.

Como sempre diz um grande amigo meu: “Fui surpreendido novamente!!”. O resultado oficial foi muito diferente daquele que eu tinha visto, na ocasião o Bruno Mantovani liderava com folga a votação, outra pessoa havia sido premiada. Até aí tudo bem, paciência, é júri popular e tals… Mas o próprio Bruno Mantovani percebeu que havia algo errado ainda antes do término da votação. A conclusão dele: a votação foi fraudada! e eu concordo.

Aqui, ele conta toda a trama. É vergonhoso para o Bruno Senna tal acontecimento!

Agora temos de esperar o desfecho desta história…