GP de Abu Dhabi (4)

Enfim terminou, assistir um final de semana e em Abu Dhabi é uma tortura, a pista é bonita e tals, mas não dá pra assistir corrida sem ultrapassagens, Felipe Massa, por exemplo, ficou amarrado atrás de Jaime Alguersuari, desde sua parada até o final da corrida, foram mais de 40 voltas de tortura.

A corrida foi decidida nas primeiras voltas, Michael Schumacher rodou e Vitantonio Liuzzi bateu nele, fazendo com que seu carr0 parasse em cima da Mercedes do alemão, mais um pouco e acertaria a cabeça de Schumacher. O Safety Car entrou, ficou algumas voltas e, quando saiu, não houve mais a possibilidade de ultrapassagens, foi aquela fila indiana.

Liuzzi acerta Schumacher (Foto: AFP)

As atenções estavam voltadas pra Fernando Alonso e Mark Webber, até Alonso ficar atrás de Petrov, que saiu de cabeça erguida, por ter um papel decisivo na decisão do título, dava até dó do espanhol, saiu da pista várias vezes no desespero para passar o russo, sem sucesso. Mark Webber não fez nada, só ficou atrás, sem esboçar nenhuma reação. Com isso só restou ao piloto que fez a pole, Vettel, seguir para a vencer a corrida e o campeonato.

Pódio de Abu Dhabi (Foto: Sutton Images)

E foi um pódio tricampeão, os dois últimos campeões acompanhavam o mais jovem piloto a conquistar um campeonato, Lewis Hamilton em 2ºe Jenson Button em 3º, e, como em um cerimônia de posse, comemoraram junto com Vettel a conquista do seu primeiro título mundial.

O mesmo não se pode dizer de Fernando Alonso, que, como um garoto mimado, acostumado aos “adversários” darem passagem, saiu gesticulando contra Vitaly Petrov após o final da corrida, e quando saiu do carro saiu correndo pra chorar no seu quartinho, atitute desprezível.

Alonso emburrado (Foto: Sutton Images)

No final, ficou assim:

Pos No Piloto Equipe Voltas Tempo/Abandono Grid Pts
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 55 1:39:36.837 1 25
2 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 55 +10.1 s 2 18
3 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 55 +11.0 s 4 15
4 4 Nico Rosberg Mercedes GP 55 +30.7 s 9 12
5 11 Robert Kubica Renault 55 +39.0 s 11 10
6 12 Vitaly Petrov Renault 55 +43.5 s 10 8
7 8 Fernando Alonso Ferrari 55 +43.7 s 3 6
8 6 Mark Webber RBR-Renault 55 +44.2 s 5 4
9 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 55 +50.2 s 17 2
10 7 Felipe Massa Ferrari 55 +50.8 s 6 1
11 22 Nick Heidfeld BMW Sauber-Ferrari 55 +51.5 s 14
12 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 55 +57.6 s 7
13 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 55 +58.3 s 13
14 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 55 +59.5 s 12
15 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 55 +63.1 s 18
16 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 55 +64.7 s 15
17 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 54 +1 Volta 20
18 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 53 +2 Voltas 22
19 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 53 +2 Voltas 23
20 20 Christian Klien HRT-Cosworth 53 +2 Voltas 24
21 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 51 +4 Voltas 19
NC 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 43 Câmbio 21
NC 3 Michael Schumacher Mercedes GP 0 Acidente 8
NC 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 0 Acidente 16
Anúncios

2 comentários em “GP de Abu Dhabi (4)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s